8/16/2006

TODA A VERDADE SOBRE A TEORIA DOS DEZ MINUTOS


Quando compramos um daqueles móveis em kit, tipo um bloco de gavetas ou uma estante para a arrecadação, há que estar atento ao seguinte pormenor:

-Quando o folheto das instruções refere que o tempo de montagem é de dez minutos, esse tempo exclui, a saber:
. A abertura da embalagem, que envolve o corte de dezenas de fitas plásticas e o arranque de várias centenas de agrafos gigantes;
. A retirada da embalagem de todas as peças e finalmente a descoberta do folheto de instruções lá no fundo;
. A leitura do folheto de instruções, que deve ser repetida em voz alta e em família pelo menos uma dúzia de vezes até que a primeira frase comece a fazer sentido na cabeça de alguém presente;
. A identificação das peças constantes do puzzle, depois de várias vezes viradas e reviradas e analisadas atentamente por todos.

Posto isto:
O tempo de montagem de dez minutos até pode ser verdade, mas apenas no caso de você ter, a saber:
. Uma pós-graduação em montagem de móveis kit em contraplacado ordinário e com instruções pouco explícitas;
. Vários anos de experiência num circo a trabalhar com chaves de fendas que mais não são do que pauzinhos retorcidos que nos fogem das mãos;
. Um curriculum vitae do qual conste, pelo menos, a montagem de 5000 móveis kit em contraplacado ordinário e com instruções pouco explícitas;
. E finalmente, alguém com ar ameaçador e real ao alto convosco, com um revólver na mão, com munições, e a repetir constantemente "ou montas isso rápido ou levas um tiro".

Caso não sejam cumpridas todas as exigências acima mencionadas, o tempo médio de montagem, defeituosa e para um produto final com mais buracos e menos peças do que era suposto, é de 24 horas.

4 comentários:

madfun_ph disse...

Pergunta para a menina da caixa e padeira de serviço (no armazém).Sabe qual é a razão (s) que levam a Patroa a ñ gostar do AJJ da Madeira??

AVC disse...

Então e não seria melhor comprar as mobílias já prontas?!

Didas disse...

A Rosarinho responderá em tempo Madfun!

E a adrenalina AVC? E a adrenalina?

AVC disse...

Cara Didas: Em tempos, quando toda a malta tinha um "cubículo"(versão mini de uma discoteca privada)as decorações eram renovadas, regra geral, em momentos extremos de adrenalina. A malta, (sócios do cubículo)partia a mobília, rasgava os sofás à facada, partia a bola de espelhos a murro, o balcão do bar era arrancado à força e feito em bocdinhos, isto tudo ao som da melhor música do "som da frente"! Bem essa sim era adrenalina, mas isso eram outros tempos.

Cumprimentos