9/25/2010

Duas velocidades

Aquele programa de televisão que mostra como é possível viver numa cidade europeia com apenas duzentos euros durante um fim-de-semana inteiro é duma insolência inexcedível num país onde há um mar de gente que tem que aprender a viver um mês inteiro numa cidade, vila, ou aldeia europeia com os 475 euros do ordenado mínimo.
Estar em Roma, Paris ou Londres já com as viagens pagas, durante dois dias, sem ter que ir para a fábrica dar cabo das costas e com duzentos aéreos por cabeça é uma miragem tão grande para tanta gente como para os tipos que fazem o programa seria ficarem de repente inteligentes sem terem que fazer nada por isso.

2 comentários:

Crente disse...

Sempre achei esse programa idiota. 200 eur num fim de semana, fora a viagem, é uma estupidez que só visto.
Pensava que só eu achava aquilo um descalabro de palermices.
Mesmo assim, não me importava que e pagassem para fazer o programa ;)

Didas disse...

Ah pois! Nem eu!