1/05/2010

Boas notícias


A AEP, associação de empresários portugueses, quer ver reduzidos os feriados porque, diz, são muitos. Mais dois do que a média europeia. Aqui na padaria apoiamos totalmente porque é o primeiro passo para uma grande mudança para melhor, dizemos nós. Continuando nesta lógica, a AEP vai chegar a perceber que os salários dos desgraçados que trabalham nas empresas portuguesas estão muito abaixo da média europeia e vão querer aumentá-los à força toda. É não é?

9 comentários:

Saltapocinhas disse...

A imagem diz tudo: evoluem assim os nossos "empresários".

kuka disse...

Quando falas em desgraçados não te estás a referir aos administradores dessas empresas, pois não?

Didas disse...

Pois é Saltapocinhas.

Não Kuka, estou a falar dos desgraçados que esperam por um feriadinho para ir à Costa comer areia.

AB disse...

Acho que a AEP merece um grande aplauso pela iniciativa. Mais, acho que se devia criar o Dia Da AEP, e ser, óbviamente, feriado.

polittikus disse...

Como já escreveram, a imagem diz tudo...

Didas disse...

AB, apoiadíssimo!

Lol polittikus :)

AB disse...

Falando na imagem, e apenas na imagem. É um bocado discriminatória esta imagem, não é? Não há empresários de raça negra? De outras raças? Não há empresárias? Qual é o padrão evolutivo da empresária? De macaca a porca? Soa bem? A mim não me soa bem. Soa?

Helder Marques disse...

Isto da média europeia tem lógica.

Provavelmente, a evolução tenderá para o nosso querido e super-protegido Governo passar a cobrar o mesmo de impostos sobre quem trabalha que cobram países onde os salários actuais já são o triplo. Ou seja, cobrar continuar o mesmo...
Ah, espera lá, mas se o Governo não cobrasse impostos em salarios de 500 euros, iguais aos que cobram paises com o triplo de salário... talvez... hum... nao sei...

é triste, senhores. Isto dito por um emigrante forçado, que hoje ganha perto do triplo, liquido, e vê-lhe serem descontados menos impostos do que quando ganhava 700 euros em Portugal..

Tudo em prol da evolução, naturalmente...

A quem pagar para ver, eu apresento provas disto. bastam o ultimo recibo de salário em Portugal, e o último daqui.

AB disse...

Helder, qualquer dia estamos todos na tua situação. Forçados a saír daqui. Vais ver. Vão ter que fazer um muro para a malta não se pirar de vez.